Apresentação do livro Poesias de um Caçador, Macho e Poeta de João C. Vasconcelos

"Lágrima que pinga dos olhos
Ao passear pela cara...
Deixa o mundo, são abrolhos,
Busca uma arte mais rara.

Uma arte, que também viva
Com a força da verdade
E seu caminho prossiga
Virado à eternidade...

Se o eterno é inteiro
Ou se o inteiro é assim
Deixai-me ser verdadeiro
E ter orgulho de mim"

João C. Vasconcelos

"Nasceu em Braga, em 1 de Abril de 1948, onde sempre viveu, salvo um êxodo forçado em Angola de 1968 a 1973.
Desde novo, sempre cultivou a Trilogia de macho, caçador e poeta.

Pelas voltas da vida, foi vendedor e depois empresário de máquinas agrícolas.

Minhoto, por nascença e opção, vive em Braga, de onde o país partiu, a trinta minutos do mar e a sessenta da montanha. Normalmente só, nas águas ou nas alturas do granito, espraia seu amor à Terra e à Arte.
Cidades, só por necessidade ou Amores...
E demais, são riscos.. Riscos imensos, como nesta pequena amostra poética podem ler.

Colaborou em diversos jornais e publicações e publicou pela Associação Recordar a Velha Apúlia - "Apúlia onde o mar e a Terra cruzam gente".

Livraria 100ª Página | Casa Rolão Av. Central, 118/120 4710-229 Braga | Tel: 253 267 647 | Fax: 253 267 648